Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





O Presidente vai nu

por Henrique Monteiro, em 23.01.12

Publicado em SAPO Notícias

Autoria e outros dados (tags, etc)

Anos de Cartoons

2008 | 2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | 2016 | 2017 | 2018 2019 2020 2021


1 comentário

Sem imagem de perfil

De V_de_Vergonha a 23.01.2012 às 19:41

Há 100 anos atrás, assassinámos um rei para depor a corte que ostentava o ouro sem querer saber do povo. Implantámos a república para trazer o movimento da igualdade e da fraternidade para portugal e há 30 e tal anos atrás derrubámos um ditador para retomar a democracia. Melhorámos enquanto país e as condições do povo são boas como nunca, mas os grandes de sempre estão a apertar os pequenos de sempre numa negligência inadmissível para os dias que correm.

Cheira-me que se continuarem a apertar o povinho e a ostentar o ouro, veremos mais tarde ou mais cedo a história repetir-se...

Tenho esperança de ver alguns destes Jardins, Catrogas, Cavacos e Sócrates levarem a sova que merecem, porque algum dia o povo - esse monstro adormecido que teima em acordar apenas no último momento - vai entrar num novo movimento social à escala global.

Não sou contra os ricos! Sou contra os pobres e contra a desigualdade!

Querem mais emprego e crescimento económico? Despeçam o Catroga e gastem o seu salário contratando 90 desempregados. Repitam isto por cada situação vergonhosa como esta e vão ver o resultado.

Acabem com o IVA. Cada um deve pagar consoante o que recebe e o IVA é o imposto que mais desigualdade provoca. Faça-se um IVA que seja pago consoante os rendimentos e não consoante os produtos.

Altere-se a constituição para termos só 100 deputados e cada político a receber apenas o ordenado mínimo nacional e assim os governantes serão gente que luta por Ideais e não gente que luta por Audis topo de gama...

Não se gaste nem mais um cêntimo em grandes obras como aeroporto e tgv e pontes no tejo pagando fortunas a 1 ou 2 grandes empresas. Faça-se antes o saneamento básico em todo o país e contratem-se os pequenos empresários em cada localidade.

Diminua-se a carga fiscal das empresas que contratarem desempregados mesmo que não precisem deles para assim poderem diminuir a carga horária dos outros trabalhadores. Contrate por €1000 e o governo deixa de lhe taxar €1100 em impostos.

E por fim proíbam-se os militantes do PS, PSD e PP de serem nomeados para cargos públicos. A partir de agora só concursos justos e públicos, em que nomeações anteriores não contam para o currículo (ou seja, sanguessugas do PS, PSD e PP não voltam a ter emprego tão depressa...).
Isto aumentará o desemprego de certos barões e baronesas, mas será bom, pois com melhores profissionais, teremos uma máquina do estado mais eficiente e produtiva.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Publicidade


No facebook


Cartoons Família e Desporto






Pesquisar cartoons

  Pesquisar no Blog