Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]





Anatomia de um agressor doméstico

por Henrique Monteiro, em 12.12.14

1a.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Anos de Cartoons

2008 | 2009 | 2010 | 2011 | 2012 | 2013 | 2014 | 2015 | 2016 | 2017 | 2018 2019 2020 2021


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Camões a 13.12.2014 às 00:12

«ANATOMIA DE UM AGRESSOR DOMÉSTICO»

Anatomicamente agressivo
O intestino grosso em requebro,
Liga directamente ao cérebro
O bolo fecal corrosivo!

O agressor, domesticamente
Reproduz-se no orifício rectal,
Sobe pelo colon ascendente
E desemboca no ânus cerebral…

A agressão continuada
Cheira a merda que tresanda,
E nem por nada desanda
Esse odor a bosta cagada!

POETA
Sem imagem de perfil

De TM a 15.12.2014 às 16:20

Junte-se o cartoon a este poema e não há melhor definição possível para o agressor doméstico.

E já agora, deixem-me discordar da discussão acerca do género dos agredidos. Infelizmente, categorizando-se como violência doméstica ou não, há por esse país fora muita mulher e muito homem agredidos, mas também muita criança. E se no caso de um adulto, com mais ou menos facilidade, este(a) pode recorrer a ajuda, seja para actuação legal ou simplesmente para obter ajuda psicológica, já no caso das crianças é muito mais difícil.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Publicidade


No facebook


Cartoons Família e Desporto






Pesquisar cartoons

  Pesquisar no Blog